Nota de Repúdio aos Atos de Violência Contra as Mulheres

0

A Diretoria do Instituto dos Advogados Mato-grossenses – IAMAT e sua Comissão do Direito da Mulher, diante dos fatos noticiados pela imprensa e pelas redes sociais, de violência doméstica, envolvendo a advogada Luciana Póvoas Lemos e o seu marido, advogado Leonardo Pio da Silva Campos, vem a público, declarar o seu repúdio a qualquer forma de violência contra as mulheres e indignação frente às constantes práticas de violência contra as mulheres brasileiras, com índices alarmantes e que só crescem a cada dia.

O lamentável episódio ocorrido no dia 27 de maio de 2020, trata-se de notícia grave, e que deve ser devidamente apurada, com a garantia do contraditório e ampla defesa, com procedimentos adequados, investigação legal e punição no rigor da lei, se for o caso.

O IAMAT, no exercício de sua função institucional pela defesa da cidadania, legalidade, cumprimento do seu dever legal e de acordo com o seu Estatuto informa que, por intermédio da Comissão do Direito da Mulher/IAMAT, já se colocou à disposição da advogada Luciana Póvoas Lemos para acompanhar o inquérito, assegurar que os fatos sejam apurados com total imparcialidade, e ainda, garantir a defesa da mulher e seus direitos.

O fim da cultura de violência contra as mulheres e a emancipação feminina são pressupostos para a construção de uma sociedade mais justa.

Cláudia Aquino de Oliveira – Presidente da Comissão do Direito da Mulher do IAMAT

Fabio Arthur da Rocha Capilé – Presidente do IAMAT

Evandro César Alexandre dos Santos – Vice-Presidente do IAMAT

 


DEIXE SEU COMENTÁRIO